Website

Centro de Cooperação e Relações Internacionais

| Missão

 

a) Coordenar e apoiar as ações de relações e cooperação internacional do ISCE Douro no âmbito da internacionalização do ensino/cooperação e mobilidade académica;

b) Estabelecer contactos e desempenhar o papel de interlocutor junto dos vários organismos nacionais e estrangeiros do seu âmbito de ação;

c) Promover, apoiar, implementar e acompanhar a mobilidade de estudantes, docentes e técnicos nacionais e estrangeiros;

d) Estabelecer com os serviços do ISCE Douro os contactos e a colaboração necessários à prossecução das suas atribuições;

e) Apresentar-se como centro de informação atualizada com base na documentação recebida de instituições de ensino superior nacionais e estrangeiras e das Comunidades Europeias no que respeita principalmente aos programas comunitários de cooperação e mobilidade académica.

f) Assegurar o bom funcionamento do sistema europeu de transferência de créditos (ECTS) relativamente à mobilidade estudantil, prestando, assim, apoio aos professores coordenadores.

g) Participar nas reuniões afetas à implementação do Tratado de Bolonha.

 

| Competências

 

São competências do Coordenador institucional do GRI:

  • Orientar e coordenar a unidade técnica executiva do GRI na execução das ações a desenvolver;

  • No quadro dos programas comunitários Erasmus e Leonardo da Vinci, o coordenador institucional é igualmente responsável pelas disposições contratuais com a Comissão Europeia e a Agência Nacional Erasmus (AN);

  • Receber e dar provimento à informação recebida da Agência Nacional para os Programas Comunitários;

  • Aprovar as candidaturas de estudantes e dar pareceres sobre as candidaturas dos professores;

  • Aprovar os Contratos de Estudo;

  • Dar parecer à direção do ISCE Douro sobre as equivalências a atribuir no âmbito das mobilidades.

 

São competências do Coordenador Erasmus:

  • Informar os estudantes sobre o ECTS;

  • Colaborar na preparação, na publicação e na distribuição dos dossiers de informação aos parceiros;

  • Receber as candidaturas dos professores e estudantes e elaborar propostas de seleção;

  • Ajudar os interessados a preencher os formulários de candidatura, explicar-lhes o funcionamento dos procedimentos de reconhecimento académico e os documentos necessários para esse efeito (contratos de estudos, boletins de avaliação, etc.);

  • Colaborar com os coordenadores dos cursos no aconselhamento ao estudante na elaboração do programa de estudos, para que este corresponda simultaneamente às exigências académicas e aos interesses pessoais do estudante;

  • Comunicar com os estabelecimentos parceiros, concertando os programas de estudos que os estudantes irão realizar bem como organizar todos os restantes aspetos logísticos;

  • Elaborar e atualizar o dossier de informação relativa ao ISCE Douro;

  • Elaborar a proposta de equivalências a submeter a parecer do Coordenador Institucional do GRI;

  • Atualizar e propor novos acordos de colaboração e Intercâmbio.

 

São competências dos Coordenadores Leonardo da Vinci:

  • Informar os estudantes sobre o projeto e colaborar com os coordenadores dos cursos na preparação daqueles para a mobilidade;

  • Receber as candidaturas dos estudantes e elaborar propostas de seleção;

  • Ajudar os interessados a preencher os formulários de candidatura, explicar-lhes o funcionamento, procedimentos e os documentos necessários para a mobilidade;

  • Comunicar com os estabelecimentos parceiros, concertando as áreas de estágio que os estudantes irão realizar bem como organizar todos os restantes aspetos logísticos;

  • Elaborar e atualizar o dossier de informação relativa ao ISCE Douro;

  • Procurar instituições específicas com vista à formação linguística adequada à mobilidade;

  • Atualizar e propor novos projetos de parceria e mobilidade.

 

| Contactos

 

 

Dr. Jacinto Pinto | jacinto.pinto.ccri@isce.pt

© 2021 ISCE Douro - Todos os direitos reservados. | Contactos